Dia a Dia do Paciente / Atividade Física

4Press

Publicado em 17/04/2018

Revisado em 17/04/2018

Corrida Busque Vencer: Atividade física regular garante benefícios para saúde

corrida exercicios atividade fisica

Muitas pessoas resistem a fazer exercícios físicos seja por preguiça ou porque ainda não encontraram uma atividade que lhe agradem. Mas, uma coisa é certa: quando se vence a resistência e se pratica regularmente uma atividade, a saúde vai agradecer. Mais disposição, mais força, mais equilíbrio, são diversos os benefícios que serão sentidos no corpo e no organismo. E o mais importante: a atividade física ajuda na prevenção de doenças. “Quando a atividade é praticada de forma regular, ela cria condições metabólicas favoráveis que evitam doenças. A atividade física aumenta os nossos níveis de energia, ajuda a controlar o peso corporal, a reduzir a hipertensão arterial, mantém a saúde e o bom funcionamento do sistema músculo esquelético, evitando a osteoporose. E ainda: melhora a mobilidade, a capacidade funcional, a qualidade do sono, diminui a depressão e aumenta a imunidade”, explica a educadora física Luciana Castelli Assmann, integrante do Comitê Científico do Instituto Vencer o Câncer.

Entre as doenças que a atividade física tem papel importante na prevenção está o câncer. Obesidade e sedentarismo aumentam o risco de aparecimento de diversos tipos de tumor e quem faz exercícios físicos evita esses dois fatores. “A atividade física evita o ganho de peso e ativa alguns mecanismos biológicos capazes de inibir a formação de tumor”, ressalta Luciana.

Caminhada, corrida, natação, musculação, seja qual for a modalidade haverá benefício para a saúde. O segredo está na regularidade: 30 minutos por dia, 5 dias na semana. “Eu sempre digo que a melhor opção é aquela que você consiga manter a regularidade. O melhor exercício é aquele que você goste, que seja agradável, que te faça suar, respirar mais rápido, que te traga algum desafio. A caminhada é acessível a todos, mas é importante sempre combinar exercícios de força, flexibilidade e aeróbicos”, orienta a educadora física.

Antes de começar a praticar alguma atividade, é essencial que a pessoa passe por avaliação médica e uma avaliação física. Idade, se a pessoa é sedentária ou se já fez alguma atividade, e a presença de alguma doença são fatores que devem ser considerados na hora de se definir o que será praticado. Ter o acompanhamento de um educador físico é importante porque ele vai orientar a intensidade do exercício e sua evolução. “Comece com atividades mais leves, especialmente se for uma pessoa sedentária. E vai adequando e regulando o grau de dificuldade de acordo com a resposta do corpo. O corpo precisa entender aos poucos que está acontecendo ali uma novidade que é uma mudança no metabolismo todo, que vai mexer em toda a parte cardiovascular, muscular, esquelética e isso tudo precisa ser muito cuidadoso porque o corpo precisa ir assimilando aos poucos, não dá para começar de cara com uma atividade intensa”, afirma.

Usar um tênis adequado também é essencial para evitar lesões. Antes de começar o treino, o ideal é fazer um aquecimento, ou seja, preparar o corpo para a atividade. O alongamento pode ser feito antes e depois da prática. “Hoje a gente faz também uma coisa que se chama liberação miofascial que é uma técnica de massagem que aplica pressão em alguns pontos do corpo e isso vai permitir o deslizamento perfeito desse músculo durante o exercício”, comenta Luciana.

Incentivar a prática de exercícios é um dos objetivos da corrida Busque Vencer, promovida pelo Instituto Vencer o Câncer. A corrida ocorrerá no dia 10 de junho e terá um percurso de 7 km pelo centro de São Paulo. Quem não corre, poderá participar da caminhada que será de 3 km. As inscrições podem ser feitas pelo site: corridabusquevencer.com.br. Participe!