Dia a Dia do Paciente / Nutrição

Paula Andregheto

Publicado em 15/08/2017

Revisado em 15/08/2017

Alimentação: Nem muito quente nem muito frio!

panela quente

O consumo de alimentos que estejam fora da temperatura considerada ótima pode influenciar a sensação de náuseas.

Para evitar náuseas e vômitos, uma das recomendações sugeridas aos pacientes oncológicos é consumir alimentos que estejam em temperatura ambiente e fugir de pratos muito quentes ou muito frios. A razão é: o choque de temperaturas pode causar distensões e contrações no estômago.

O estômago trabalha, normalmente, com uma faixa de temperatura “ótima”, que varia entre 37°C e 42°C. Qualquer alimento fora dessa margem pode alterar o funcionamento do órgão.

Ingerir alimentos muito acima ou muito abaixo dessa faixa é uma situação incomum para o órgão, que passa a produzir quantidade maior de líquidos e trabalhar mais para tentar regular sua temperatura interna. É um processo que exige muito mais energia de um organismo que já está debilitado e, para piorar, provoca contrações e distensões gástricas, intensificando a sensação de náusea.

Muitos pacientes reclamam que os alimentos mais quentes possuem aroma e sabor mais acentuados, o que também contribui para aumentar a ânsia de vômito. Nesse caso, consumir alimentos mais frios é vantagem, porque a baixa temperatura “anestesia” as papilas gustativas, tornando o sabor mais neutro.

Ou seja, na hora da refeição, o paciente em tratamento quimioterápico deve dar preferência aos alimentos frios (mas nem tanto, algo mais próximo do morno), em temperatura mais próxima da considerada ótima. O que não significa eliminar a comida quente do cardápio, Todo paciente começa a conhecer melhor seu quadro no dia-a-dia e a identificar quando está em condições de comer, sem se sentir mal.

Uma dica é esperar uma hora após a sessão de quimioterapia para alimentar-se. Além disso, realizar cinco ou seis pequenas refeições ao longo do dia é melhor do que realizar três grandes refeições. Não beba enquanto estiver se alimentando e também não se deite logo após comer.

Se for o caso, tente deixar a comida esfriando alguns minutos no prato antes de iniciar a refeição.